fulinaíma

sábado, 19 de fevereiro de 2011

a cabeça do dragão




o que teria a ver ficção e realidade comando invisível presídio federal brazilírica pereira onda azul escola de samba invisível inconsciente coletivo ribeirão do tempo onde o professor flores calhorda maquiavélico espalha o terror na cidade fruto da maquiagem do teatro das artes cínicas hoje não é sexta feira 18 de fevereiro carnaval batendo a porta pra espantar a solidão eu quero ser o primeiro a ouvir zeca baleiro no pet shop mundo cão



marko andrade lança a pergunta no ar
onde está a cabeça do dragão
do tráfico das armas do pó?

está na rocinha na mangueira
na mineira na pavuna
na favela da maré
no complexo do alemão?

no morro do estado
no engenho encantado
será que a cabeça tem nome
e esconde a própria cara
há muito tempo ronda
em tudo que é guanabara?

federico baudelaire – viagens insanas

http://federicobaudelaire.blogspot.com/

eu sou o teu avesso

sou a filha da vaca
mas não troco minha mãe
por diva nenhuma

eu sou a neta da puta
mas estou com a minha ave
em carne e unha

eu sou o teu avesso
a língua da morte
a ruptura do conforto
fedra margarida
negra como corvo
no lado escuro da vida
serei sempre seu estorvo

eu sou o teu avesso
as flores do mal-me-quer
o lado mundano da vida
de pagu a baudelaire

fedra margarida
world of the woman
http://fedramargarida.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário