domingo, 22 de maio de 2011

nas entranhas do poder



desde ribeirão preto
a caixa preta me fala
há água estranha na fonte
há algo estranho na mala

os urubus são testemunhas:
o cheiro agora resvala
“quem cala consente
quem sente fala”  (eliakin rufino)

a Nação quer conhecer
o que o palocci
tem na mala

arturgomes


Nenhum comentário:

Postar um comentário